Blog

            

Dicas para você viajar de carro no exterior sem preocupação

Dicas para você viajar de carro no exterior sem preocupação e com sua CNH brasileira

Uma das melhores formas de explorar novos locais em outro país é a bordo de um carro. Você faz no seu tempo, vai aonde quer (não ficando preso ao só o que é turístico), não depende dos horários do transporte público e vai até lugares aonde apenas o carro chega. Mas para que essa experiência não vire um pesadelo, é preciso se atentar alguns detalhes.

Primeiro é preciso pesquisar como funciona o aluguel de carros no destino, qual documentação é necessária. Normalmente, as empresas exigem uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH), que pode ser a comum, que é aceita em mais de 100 países signatários da Convenção de Viena - entre eles Austrália, Canadá, Estados Unidos, França e Portugal – por até 180 dias.

Para aqueles que temem a comum não ser aceita por estar em português, o Detran  emite a Permissão Internacional para Dirigir (PID), que é a CNH traduzida para outro idioma e que é aceita pela mesma Convenção. Para fazer a PID é necessário estar com CNH dentro da validade, não estar cumprindo período de suspensão ou cassação do direito de dirigir nem ter outras restrições administrativas ou judiciais que impeçam a expedição do documento. Verifique na lista abaixo se a PID é um documento válido no país a ser visitado: www.denatran.gov.br/index.php/carteira-internacional. A PID pode ser feita em qualquer unidade do Detran  e o valor da taxa varia, em São Paulo é de R$ 275,77 e no Rio Grande do Sul é de R$ 57,60, mais R$11 se o motorista quiser que o documento seja entregue via Correios.

Os interessados em alugar um carro no exterior devem se atentar que na maioria dos países é preciso ter mais de 21 anos para alugar um veículo e dependendo da empresa, o motorista pode pagar uma taxa extra por causa da faixa etária. Também vale verificar se o destino não tem restrições a motoristas estrangeiros. No Japão e na China, por exemplo, é preciso ter a carteira de habilitação local devido ao fato de placas estarem no idioma dos países. Além da própria diária e do combustível usado, as locadoras normalmente exigem o pagamento de um seguro.

Outro ponto que deve ser pesquisado é como funciona o trânsito no destino. Países como África do Sul, Austrália, Índia, Nova Zelândia, Reino Unido, Irlanda entre outros, dirigem na mão invertida. Então dirija com atenção redobrada nesses locais, pois você estará fazendo o contrário do que está acostumado. Caso você cometa alguma infração, não deixe de pagá-la, pois o não pagamento pode levar o motorista a ter sua entrada negada no país ou ficar com o passaporte bloqueado.

 

 

Alguns Destinos que Recomendamos

A conquista do seu intercâmbio está mais perto do que imagina


IRLANDA

Dublin, Cork, Limerick, Galway


CHINA

Pequim


REPÚBLICA DOMINICANA

SANTO DOMINGO


COLÔMBIA

Bogotá


ESPANHA

Madrid, Barcelona, Valencia, Tenerife, Cadiz, Sevilla


INGLATERRA

Londres, Bristol, Manchester, Liverpool, Oxford


COSTA RICA

San José


ITÁLIA

Roma, Milão, Florença, Siena, Calábria

2016- Travel Around the World - TAW - All rights reserved.